Por que é importante trabalhar o Onboarding dentro de uma organização?

Ter uma boa integração dentro da equipe de trabalho é importante para que o fluxo de trabalho seja positivo. Pensando nisso, muitas organizações adotam as estratégias onboarding. Esse processo ajuda a integrar um novo membro à equipe, o que, em alguns casos, pode ser um desafio para as companhias. No entanto, para que as estratégias […]

Escrito por Equipe Guia de Investimentos | 28.01.2021

Gostou da leitura?

Compartilhe:

Ter uma boa integração dentro da equipe de trabalho é importante para que o fluxo de trabalho seja positivo. Pensando nisso, muitas organizações adotam as estratégias onboarding.

Esse processo ajuda a integrar um novo membro à equipe, o que, em alguns casos, pode ser um desafio para as companhias.

No entanto, para que as estratégias de onboarding funcionem, é preciso fazer um planejamento, assim, esses novos colaboradores se sentirão parte da corporação mais rapidamente.

Quando eles sentem que são parte da empresa, a tendência é que permaneçam nela, sem que desejem sair prematuramente e acabem aumentando o item de rotatividade (turnover) da corporação.

Investir em bons processos seletivos também pode ajudar, visto que é dessa forma que as companhias conseguem conquistar os melhores talentos.

É por conta disso que os recrutamentos estão se tornando cada vez mais longos e minuciosos, além de complexos, e tudo isso gera gastos.

Portanto, se o novo colaborador deixa a empresa logo após sua contratação, há todo um prejuízo de investimentos. Desse modo, é essencial fazer com que ele se sinta um membro da equipe.

Pensando nisso, neste artigo, vamos explicar o que é onboarding, como o processo pode ser implementado na sua empresa, bem como a sua importância e as vantagens para as companhias. Confira!

O que é e como aplicar o onboarding?

Onboarding é um termo que, em português significa “a bordo”. Nas companhias, consiste em uma maneira de integração de novos membros, para que eles se sintam familiarizados com sua cultura, missão e valores.

Como já foi dito, a integração do novo colaborador é fundamental para que ele se sinta parte da cultura organizacional da empresa e não desista da vaga, uma vez que isso coloca a perder todos os investimentos feitos durante o processo seletivo.

Além disso, o onboarding diminui a rotatividade da empresa, além de tornar a equipe mais unida e seus membros mais integrados uns com os outros.

Portanto, para que uma fabricante de impressora de crachá pvc ou qualquer outra empresa aplique esse processo de integração de maneira efetiva, precisa colocar em prática algumas ações. São elas:

1 – Fazer um cronograma

É importante que o gestor organize um cronograma das atividades que serão realizadas no processo de integração. O objetivo é facilitar a organização do que precisa ser feito e em quais momentos.

Por exemplo, no primeiro dia, a companhia pode se dedicar a apresentar o novo colaborador à equipe e explicar como cada setor funciona.

2 – Enviar um e-mail de boas-vindas

É interessante que a empresa envie um e-mail animado confirmando a aprovação no processo seletivo. É claro que a ligação é essencial para se certificar de que o candidato está ciente da aprovação.

Contudo, é no e-mail que a corporação, como uma de automação industrial empresas, fornece algumas informações importantes, como:

  • Data de início;
  • Lista de documentos necessários;
  • Local do exame admissional;
  • Horário.

Além de enviar essas informações, pode ser interessante usar gifs e emojis para demonstrar a satisfação de poder contar com esse novo profissional e deixar a mensagem mais personalizada.

Esses recursos despertam sentimentos positivos no novo funcionário em relação à empresa e faz com que ele se sinta bem-vindo.

3 – Preparar as integrações

O dia da integração é muito importante para os colaboradores novos, principalmente quando formam um grupo de novos contratados.

O ideal é que todos estejam juntos para que a entrega da confecção de uniformes possa deixar claro sua cultura e valores.

O processo de onboarding também pode ser bem aproveitado com uma roda de conversa. Esse diálogo ajuda a estabelecer vínculos entre funcionários novos e antigos, podendo até mesmo ser realizado em um almoço em conjunto.

4 – Tornar o primeiro dia especial

Para que a estratégia de onboarding seja 100% eficiente, o ideal é que o primeiro dia de trabalho seja especial. Para isso, é necessário deixar alguns pontos preparados.

Por exemplo, a conta de acesso ao e-mail empresarial e o login dos sistemas (caso haja) devem estar prontos, pois são recursos que podem ser usados no dia a dia.

Se o novo colaborador precisar de ferramentas de trabalho específicas, estas devem ser entregues pela organização. A maneira como isso é feito conta muito, então, junto com os materiais, é interessante entregar um kit de boas-vindas.

Também é interessante fazer um tour pelas instalações da organização e pedir para que os colaboradores mais antigos se mostrem receptivos aos novos contratados.

5 – Preparar reuniões

É de suma importância que o novo contratado saiba quais são suas funções dentro da organização, assim como ele precisa conhecer todos os setores.

É interessante elaborar reuniões de apresentação com os líderes de equipe, assim, eles podem mostrar o seu trabalho e como as suas atividades se relacionam dentro da empresa.

Para organizar as reuniões, é interessante montar um calendário compartilhável, para que todos estejam cientes das datas.

6 – Organizar treinamentos

Os treinamentos são essenciais para capacitar os novos membros e devem fazer parte do processo de onboarding de qualquer empresa, como uma fabricante de lembrancinha de chocolate.

É dessa forma que eles ficam por dentro de assuntos sobre segurança do trabalho e até mesmo sobre como suas atividades devem ser realizadas.

Eles também entenderão de maneira rápida o funcionamento da companhia, visto que estavam adaptados a outras políticas em seus empregos anteriores.

Importância do onboarding

Mais do que reter os novos contratados e valorizar os talentos dentro de uma companhia, investir em práticas de onboarding é muito importante por outras razões.

É por meio deles que os novos funcionários estarão preparados para a rotina da empresa e não serão pegos de surpresa quanto ao fluxo de trabalho.

Dessa forma, conseguem compreender melhor a cultura dela antes de começarem a desenvolver suas atividades do dia a dia.

O onboarding também deixa os novos colaboradores motivados para desempenharem seu papel, visto que eles entram para a equipe se sentindo parte essencial dela.

Para uma fabricante de panfleto inauguração ou qualquer outra corporação, essa integração também é uma forma de alinhar as expectativas da companhia com as dos novos profissionais contratados.

Por fim, o onboarding também é importante porque integra melhor os novos colaboradores com os mais antigos da casa, sendo capaz de promover uma harmonia no ambiente da organização.

Vantagens do onboarding para as empresas

A primeira impressão que um profissional tem de uma empresa é o que vai determinar sua vontade de continuar ou não nela. Então, fazer uma boa integração causa uma boa impressão e traz outras vantagens, como:

Maior engajamento

Quando os novos colaboradores são bem acolhidos em uma empresa de folheto a3, rapidamente se sentem mais à vontade.

Desse modo, eles se tornam mais engajados e motivados para entregarem o melhor resultado, visto que estão familiarizados com a cultura e possuem um sentimento de pertencimento.

Mais qualidade de trabalho

O onboarding ajuda a construir um clima organizacional que estimula as equipes a trabalharem em conjunto para conquistar os melhores resultados.

Se o novo funcionário sente que faz parte de uma equipe, que é importante para ela e que seu trabalho é fundamental, se sente mais motivado para realizar suas tarefas com dedicação e afinco.

Consequentemente, a qualidade do trabalho aumenta, o que faz com que a empresa atinja os melhores resultados, e com certeza isso vai se refletir em sua posição no mercado em que atua.

Diminuição da rotatividade

O onboarding tem como missão integrar os novos contratados, mas também diminuir os índices de rotatividade.

Isso faz com que os membros da equipe se familiarizem uns com os outros rapidamente e desenvolvam um trabalho mais produtivo.

Quando o índice de rotatividade está alto, ou seja, há um grande número de pessoas entrando e saindo da empresa, todo o trabalho desenvolvido pode ser prejudicado.

Outro fato agravante é que a companhia perderá tempo e dinheiro investindo em novos processos de recrutamento e seleção.

Portanto, as produtoras de eventos em curitiba e outras companhias devem investir em processos de integração para que o novo colaborador se sinta parte da família e esteja disposto a trabalhar pelos objetivos dela, uma vez que é parte da organização.

Conclusão

Uma empresa é como um organismo vivo, que possui diferentes setores que realizam diferentes tarefas em prol de um mesmo objetivo.

Para manter o equilíbrio entre todos eles, é essencial contar com funcionários motivados e engajados e que tenham suas expectativas alinhadas com as da corporação.

Pensando nisso, empresas de abertura de carros e todas as companhias de sucesso mostram o valor de seus funcionários assim que eles se tornam parte de seu time.

Elas abrem as portas de seu trabalho para esses profissionais, e eles se encaixam como uma peça que faltava para seu sucesso. Tendo essa visão, os novos colaboradores se sentem pertencentes a uma empresa que valoriza a sua presença e o seu trabalho.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Assine agora nossa Newsletter
Receba conteúdos exclusivos do UOL EdTech na sua caixa de entrada